Gastronomia Saudável | Método obrigatório para negócios lucrativos.

Escrito por Ricardo Matos

20 de julho de 2020

Gastronomia Saudável | Método obrigatório para negócios lucrativos.

Hoje existe uma enorme tendência no mercado de alimentação saudável, funcional e lowcarb, com destaque para produtos sem glúten, sem lácteos e sem açúcar. E também para os produtos veganos, ou seja, que não usam ingredientes de origem animal.

Essa tendência não é uma moda. Moda passa e isso não vai passar. Cada dia aparecem mais pessoas nos consultórios médicos pedindo ajuda por estarem intolerantes a produtos com glúten e também com quadro de diabetes, em razão do consumo excessivo de açúcar.

E o que isso tem a ver com lucratividade?

Leia até o final para descobrir uma oportunidade promissora de empreender e conheça o método para se diferenciar e lucrar de verdade nesse segmento.

Pouca gente percebeu, então aproveite!

A necessidade de produtos sem glúten tem aumentado sensivelmente e a maioria das pessoas não estão dispostas a fazer seus próprios preparos. É aí que você entra!

Em cada esquina você encontra uma padaria com pães, bolos e biscoitos cheios de glúten e açúcar.  Mas é bem difícil você encontrar lojas especializadas que vendem pães, bolos e salgados sem esses ingredientes…e que sejam gostosos de verdade.

Nas lojas de produtos naturais já existe uma certa quantidade desses produtos, mas a maioria sem qualidade de textura e sabor. E quando eles têm textura e sabor, são contaminados de conservantes e outros produtos ruins para nossa saúde.

Esse é o desafio, levar até a população um produto mais saudável, saboroso e bonito… fazer bem às pessoas, fazer a diferença no mundo!

Sobremesas sem açúcar e, portanto, lowcarb, são bem mais difíceis de encontrar. Existe um mercado pouco explorado que pode fazer você lucrar bastante. Só para ter uma ideia, em Brasília, capital do país, é possível encontrar apenas 3 ou 4 lojas que vendem produtos sem açúcar… e são extremamente caros. Ou seja, ainda não há concorrência.

Para que você tenha sucesso vendendo produtos alimentícios, nesse caso, sobremesas lowcarb, sem açúcar e sem glúten, com algumas opções veganas, é preciso seguir um passo a passo básico que eu chamo de PPM.

  • Produto
  • Processo
  • Marketing
  1. Produto. Primeiramente, você precisa ter um EXCELENTE PRODUTO. É isso que fará seus clientes voltarem para comprar mais e também indicarem você.
  2. Processo. Você precisa manter um PROCESSO ORGANIZADO de fabricação, armazenamento, vendas, entregas e administração das finanças para ter sucesso.
  1. Marketing. Você precisa investir em MARKETING para atrair clientes e vender!

1. PRODUTO

Antes de começar a vender, você deve ter um produto padrão, ou seja, que é sempre igual. Isso é muito importante porque você precisa entregar ao seu cliente o mesmo produto sempre com as mesmas características:

  • Mesma textura
  • Mesmo sabor
  • Mesma aparência
  • Mesma quantidade
  • Mesma durabilidade

Você garante isso a partir do conhecimento da técnica envolvida em cada receita e depois usando os mesmos ingredientes com o padrão de qualidade conhecido.

Eu sugiro que você teste algumas vezes as receitas antes de começar a venda. Quando você considerar que atingiu um bom resultado, pode promover degustações para a família, amigos e vizinhos.

Dessa forma, você vai ter o feedback sobre seus produtos e também já vai espalhando a notícia de que vem novidade boa por aí e que logo mais você estará oferecendo esses produtos para venda.

Bom, dominada essa técnica é hora de dominar o processo de produção, que é o segundo ponto.

2. PROCESSO

De passo em passo!

Muitas pessoas quando começam a empreender no ramo da alimentação querem fazer vários produtos, um vasto cardápio. Geralmente, de forma desorganizada e sem planejamento.

É mais fácil produzir, organizar os insumos e também acompanhar o processo de produção como um todo, achando seu ritmo, sua organização. Isso é primordial para uma produção bem sucedida! O ideal é você começar com apenas 1 produto, no máximo 2.

Escolha seu produto e quando você já tiver mais experiência, pode ir abrindo o leque para outros produtos para que um dia tenha todas as linhas de produtos com uma boa saída.

Isso não só facilita sua produção,como ajuda sua organização em relação aos insumos.

Uma coisa que salva a vida de um cozinheiro empreendedor é ter um sistema organizado de pedidos, compras, produção e entrega. É muito importante que você se atente a esse detalhe.

3. MARKETING 

O terceiro ponto, e não menos importante, é o Marketing!

Marketing é essencial para que você possa fazer suas vendas. Se as pessoas não sabem do seu produto, elas não vão poder comprar. O marketing serve para isso: informar aos seus clientes sobre o produto que você está oferecendo.

Existem dois tipos de venda: VENDA PASSIVA x VENDA ATIVA

A venda passiva é aquela onde a pessoa tem uma loja e ela fica ali, atrás do balcão, esperando que o comprador vá até ela. Quem pratica a venda passiva, geralmente, tem resultados ruins ou medianos e muito parecidos. Quando você fica esperando o cliente você passa a responsabilidade da venda para ele, quando na verdade a responsabilidade é sua.

Já na venda ativa, você assume essa responsabilidade e vai atrás do seu cliente para mostrar o seu produto. As pessoa ou empresas que praticam a venda ativa têm resultados melhores e, geralmente, são as mais ricas do mercado.

Eu sugiro que você seja uma pessoa ou empresa que está ativamente sempre aparecendo para o cliente, mostrando porque o seu produto é melhor, qual a diferença que o seu produto irá fazer na vida dele. Esteja sempre convidando o cliente para comprar, não de forma incisiva e desagradável, mas de forma elegante, com o uso de algumas ferramentas.

Pratique a venda ativa! Vá atrás dos seus clientes e mostre que seu produto é diferenciado, porque ele deve comprar de você, e o que ele vai ganhar com isso.

 

Preste atenção em algumas ferramentas que ajudam a atrair seus clientes:

 

  • Produto diferenciado

Tenha um produto realmente diferenciado, feito com carinho, padronizado, que seja sempre saboroso, com uma excelente textura e aparência.

  • Apresentação do produto

Isso faz toda a diferença para atrair o seu cliente. O produto em si tem que ser lindo, bem acabado e com aspecto de fresco.

  • Venda emoção

Para vender, você precisa despertar emoção no seu cliente.  As pessoas não compram produtos, compram emoção! Nesse ponto, você pode trazer os argumentos relacionados à saúde para despertar emoção na pessoa.

  • Logotipo criativo

Logotipo é um símbolo gráfico, como uma fotografia do seu produto. É a sua marca! É importante você ter um logotipo que seja claro e que remeta o cliente diretamente ao seu produto. Não crie nada enigmático.

  • Embalagem

É imprescindível que você tenha uma embalagem atraente e criativa. Quando a pessoa recebe um produto bem embalado ela já fica feliz.

Para os produtos congelados, você pode colocar a instrução de descongelamento, que é assim: “Quando for consumir, retire o produto do congelador e deixe descansar na temperatura ambiente por 30 minutos”

Um outro ponto de destaque é fazer uma fanpage no facebook. 100 milhões de brasileiros frequentam essa plataforma. Onde tem gente tem vendas! Faça uma fanpage profissional e bem estruturada, com fotos lindas. Isso é um diferencial na sua estratégia de vendas. Também consider fazer anúncios no facebook.

Outra boa providência é ter um número exclusivo de whatsapp para atender seus clientes. Você pode, também, usar o whatsapp na web e interagir de forma mais prática pelo seu computador.

Isso é marketing! Marketing faz você vender mais e melhor.

Empreender no segmento de alimentação saudável é, sem dúvida, uma excelente opção para quem quer se diferenciar da multidão e lucrar de verdade.

Com essas orientações fica mais fácil construir um negócio de sucesso.

Agora é colocar em prática para conquistar seus resultados!

Comentários